fbpx

Índice do artigo

Dai-nos hoje o pão nosso de cada dia

O trabalho, o estudo, os recursos... É fácil esquecermo-nos de onde vê, os bens que temos à disposição. E então nascem as preocupações (que podem tornar-se angústia), os medos ou os desperdícios, os excessos.

O "pão de cada dia" é o que precisamos, amanhã, para viver com dignidade. Chama-se trabalho, cada, cuidados médicos, cultura. Mas o "pão de cada dia" é também o dos pobres, empenho social, generosidade, renúncia...

"Cada dia" é a certeza que Deus não nos abandona. Mesmo quando no futuro se veem incertezas e dificuldades económicas. Esperar "casa dia" do Pai é a atitude de quem não acumula desmesuradamente mas sabe partilhar com os outros.

Pai, dá o teu sustento

Material e espiritual

A nós e a todos os nossos irmãos

Servindo-te também de nós,

Dos meios que Tu nos deste.

Perdoai-nos as nossas ofensas como nós perdoamos a quem nos ofendeu

O amor do Pai manifesta-se no perdão misericordioso. O perdão do Pai não pesa. Liberta. Dá alegria. Mas é também um perdão que responsabiliza, que faz amadurecer. Assim deve ser o perdão entre nós e o nosso perdão face aos outros

Pai, perdoa-nos

Conduz o nosso coração 

Ao perdão recíproco de cada irmão

Não nos deixes cair em tentação

Pedimos muitas vezes ao Pai a força do seu Espírito porque somos frágeis e a tentação de não ser fiel aos compromissos é grande. Sermos dois é uma ajuda, visto que juntos podemos desmascarar as ilusões do pecado

Há sempre novas tentações:

Isolarmo-nos no nosso "mundo a dois",

Esquecendo os irmãos;

Viver só de sensações;

Esgotar o nosso amor numa

Apressada e imatura sexualidade,

Pensar só em nós mesmos.

 

Mas a nós o Pai dará novas forças:

Abrirmo-nos a Ele numa oração renovada;

Amá-lO sem restrições;

Olhar para lá dos limites do casal;

Partilhar e enfrentar também os momentos difíceis;

Partilhar, em profundidade, os nossos sentimentos mais verdadeiros;

Amadurecer o nosso ser homem e mulher na direção de uma doação generosa;

Darmo-nos a nós mesmos à queles que estão à nossa volta.

Pai, salva-nos do perigo de trair-Te 

E de nos trairmos:

Queremos amar-Te com todas as nossas forças.

 

Mas livrai-nos do mal

Confiamos ao Pai todas as nossas dificuldades para não perder nunca a confiança n'Ele.

Pai, liberta-nos de tudo

O que nos afasta do teu amor.

Liberta-nos, sobretudo, do pecado

Que ameaça o nosso caminho para Ti.

Oração retirada do livro "As raízes do amor - para uma espiritualidade do namoro", Edições Salesianas, 2004; Menghini, Cristina; Righero, Patrizio  

Siga-nos

Visite as livrarias

Quem Somos

Somos uma editora católica, fiel ao carisma de S.João Bosco. Especializados em catequese e pastoral juvenil, estamos em Portugal há quase 70 anos. "Educação e Evangelização" é o nosso lema. Temos lojas próprias nas cidades do Porto, Lisboa e Évora e estamos presentes nas principais livrarias católicas portuguesas.

Contactos

Rua Duque de Palmela, 11
4000-373 PORTO

(+351) 225 365 750

edisal@edicoes.salesianos.pt