Namoro: oração

Proposta de oração sobre o namoro

O meu grupo de jovens já está a usar-testar os materiais e temas do 2º ano do GPS.

Agora estamos a trabalhar o tema do namoro.

Já começámos na última reunião.

Hoje à noite vamos re-pensar o namoro a partir do que Jesus sonha para a Sua Igreja.

Vamos concluir com um momento de oração.

Esta proposta não será incluída no GPS 2.

Fica aqui para o caso de ser útil a alguém.

 

Oração:

Canto: The kingdom of God (Taize)

O Reino de Deus é um Reino de paz

Justiça e alegria

Senhor, em nós vem abrir

As portas do Teu Reino.

 

A Palavra: Mc 3, 13-15

«Jesus subiu depois a um monte, chamou os que Ele queria e foram ter com Ele. Estabeleceu doze para estarem com Ele e para os enviar a pregar, com o poder de expulsar demónios.»

 

Preces

 

L1 – Obrigado, Senhor, pelas emoções, pela ternura, pela atracção

Sinal de que nos chamas ao amor e à doação.

 

L2 – Obrigado pelos momentos de timidez e de aproximação,

pelo conhecimento mútuo e pela busca do melhor para os dois.

 

L1 – Obrigado, Senhor Deus

Tu que és Amor e comunhão,

Tu que és Pai e Filho e Espírito Santo

E conheces a linguagem da entrega

E do amor que se dá totalmente.

 

L2 – Obrigado por esta oportunidade

De partilhar a minha história e o meu tempo,

Os meus projectos e o meu ser.

 

L1 – Ajuda-nos a fazer das nossas relações

Um fragmento do Teu Reino.

Onde assumimos que, no amor, conta mais

a entrega ao outro que as emoções pessoais,

o serviço do que o prazer.

 

L2 – Um fragmento do Teu Reino

Onde a tua presença nos leva a amar mais

Onde o nosso amor mostra a Tua presença no mundo.

 

L1 – Um fragmento do Teu Reino

Onde o outro se torna sempre belo olhado à luz do teu amor.

 

L2 – Um fragmento do Teu Reino

Onde expulsamos o medo e os egoísmos,

Onde aprendemos a construir o futuro.

 

Canto final: Eu posso ser assim

Autor: João Paulo Vaz em “Notas de um sonho”

 

Será que eu consigo, Senhor?

Será que algum dia o serei?

O que Tu sonhaste e quiseste p’ra mim?

 

Serei eu capaz de deixar

O que me impede de viver?

Serei um reflexo do teu amor?

 

Tantas vezes me desculpo

Com juízos que eu próprio inventei

Ou então, que me deixo conduzir

Pelo que quero e não é meu

 

Tanta vezes eu me entrego

Sem ver que o faço mal

Ou confundo o que sou com o que me habituei

 

E depois eu fico triste

Porque a vida que experimento

Não é nem sequer metade do que podia ser

 

Também sei que posso ser

Muito mais e muito melhor

Dando tudo e recebendo

E sempre sem nada guardar

 

Pois na entrega que fizer

Guardarei tudo aquilo que sou

Viverei, sem medo, como quem é

Louvarei, sem fim, o Deus que é

 

E eu posso ser assim

Eu posso ser assim

 

 

PS – Podem encontrar-nos aqui .

 

Partilhe

Facebook
WhatsApp

Mais recursos

Todas
Recursos 502
Oração 174
Músicas 0
Técnicas e Dinâmicas 31
Avaliar-me-catequista-crente
Avaliar-me como catequista e como crente!
Partilhamos um esquema de avaliação e desempenho para catequistas. Não pretende fazer acusações nem premiar...
Pentecostes-1
Pentecostes ou as línguas de fogo
O livro "Da mão para o coração - 5 minutos de criatividade para a Bíblia" sugere uma atividade para se...
6 dicas Tempo Pascal
Seis ideias para dinamizar o Tempo Pascal

Há diversas formas de convidar a comunidade a celebrar a Páscoa.

Dia do Pai
Dia do pai - celebração familiar
Este dia celebra-se no dia 19 de março, porque é o dia de S.José. Sugerimos esta breve celebração antes...
5 dicas para a Quaresma
5 dicas para dinamizar a Quaresma
Neste artigo, damos-te cinco dicas para dinamizares a Quaresma, envolvendo as crianças e famílias da...
Dramatização do Evangelho
Dramatização do Evangelho
A dramatização é uma das linguagens possíveis para anunciar o Evangelho. No teatro, comunicamos com o...
Como lidar com fracasso catequese
Como lidar com o fracasso na catequese?

Às vezes, as coisas correm mal. Como reagir?

Festa da Gratidão
Festa da Gratidão - Encerramento do ano
Quando termina um ano de atividades, é oportuno que a comunidade se reúna para agradecer. A este momento...