Avaliar-me como catequista e como crente!

Partilhamos um esquema de avaliação e desempenho para catequistas. Não pretende fazer acusações nem premiar heróis. É apenas uma ajuda para se pensar sobre o que melhor foi feito. O que é sempre um bom ponto de partida para melhorar.

Eu e Deus

  • Dedico ao longo dos dias algum tempo a Deus na oração?
  • Quando é que me é mais difícil rezar?
  • A comunidade paroquial, o grupo de catequistas ajudam-me a rezar?
  • Quais destas experiências de oração me ajudam a rezar melhor:
    • Escuta da Palavra de Deus
    • Meditação
    • Oração espontânea ou de perdão
    • Rezar com os salmos
    • Oração organizada com o grupo de catequistas
    • Eucaristia
  • Qual foi a mais difícil?
  • Qual foi a mais útil para me ajudar a crescer como cristão?
  • Quais os modos de oração mais úteis para educar os catequizandos à oração?

Eu e os catequistas

  • Entre todos os momentos que vivi com os outros catequistas, quais foram os que me foram mais fáceis, mais difíceis e quais os que me enriqueceram mais?
  • O que é que mais aprecio nos outros catequistas?
    • A capacidade de atrair os catequizandos
    • A simplicidade
    • A calma
    • A preparação
    • A constância
    • A alegria
    • A maturidade espiritual
  • Entre estas atitudes, quais as que mais me desagradam?
    • A inveja
    • A atitude de superioridade
    • A desconfiança
    • Estar sempre a lamentar-se de tudo e de todos
    • O mau exemplo
  • Sinto-me capaz de falar diretamente com um catequista acerca das suas atitudes que acho incorretas? Prefiro calar-me?
  • Sinto a necessidade de viver, juntamente com os outros catequistas, experiências de formação espiritual, cultural e catequética?

Eu e os catequizandos

  • Quais as atitudes mais comuns quando estou com os catequizandos?
    • Escuta
    • Apoio
    • Disponibilidade
    • Ajuda
    • Diálogo
  • ou
    • Impaciência
    • Cansaço
    • Confronto
    • Imposição
  • O que aprendi este ano ao fazer catequese?
  • Quais as coisas que te deram mais prazer fazer com eles e quais as que te foram mais custosas?
  • A catequese vai continuar no próximo ano pastoral. Continuo a estar disponível?

Eu e Eu

  • Porque optei por fazer catequese?
    • Porque os meus amigos estão lá?
    • Porque gosto de crianças?
    • Porque o pároco pediu?
    • Porque tenho muito tempo livre?
    • Porque me sinto chamado a anunciar o evangelho?
    • Para fazer novas amizades?
    • Para me sentir realizado?
    • Para me dar de forma gratuita?
    • Porque sei que a minha família fica contente?
    • Porque me sinto apoiado/a pela comunidade cristã?
  • Com qual destas expressões me identifico mais?
    • – Sou catequista, porque os catequizandos precisam de mim?
    • – Preciso de anunciar, testemunhar, dizer que creio em Deus
  • O ser catequista fez amadurecer a minha experiência de fé?
  • Quais as descobertas, positivas e negativas, que fiz, ao longo deste ano pastoral, na minha personalidade e no meu caráter?

Texto originalmente publicado na revista Catequistas nº 10, Junho 2005. Autoria: Rui Alberto / Adaptação: Edições Salesianas

Partilhe

Facebook
WhatsApp

Mais recursos

Todas
Recursos 502
Oração 174
Músicas 0
Técnicas e Dinâmicas 31
Avaliar-me-catequista-crente
Avaliar-me como catequista e como crente!
Partilhamos um esquema de avaliação e desempenho para catequistas. Não pretende fazer acusações nem premiar...
Pentecostes-1
Pentecostes ou as línguas de fogo
O livro "Da mão para o coração - 5 minutos de criatividade para a Bíblia" sugere uma atividade para se...
6 dicas Tempo Pascal
Seis ideias para dinamizar o Tempo Pascal

Há diversas formas de convidar a comunidade a celebrar a Páscoa.

Dia do Pai
Dia do pai - celebração familiar
Este dia celebra-se no dia 19 de março, porque é o dia de S.José. Sugerimos esta breve celebração antes...
5 dicas para a Quaresma
5 dicas para dinamizar a Quaresma
Neste artigo, damos-te cinco dicas para dinamizares a Quaresma, envolvendo as crianças e famílias da...
Dramatização do Evangelho
Dramatização do Evangelho
A dramatização é uma das linguagens possíveis para anunciar o Evangelho. No teatro, comunicamos com o...
Como lidar com fracasso catequese
Como lidar com o fracasso na catequese?

Às vezes, as coisas correm mal. Como reagir?

Festa da Gratidão
Festa da Gratidão - Encerramento do ano
Quando termina um ano de atividades, é oportuno que a comunidade se reúna para agradecer. A este momento...