Santa Teresa de Jesus

Outro exemplo de mulher revolucionária é aquele que celebramos hoje: Santa Teresa d' Ávila...

Teresa nasce em Ávila a 28 de 1515. Desde muito cedo sente a necessidade de entregar-se a Cristo e aos sete anos foge com o irmão para ir “morrer por Cristo” numa terra de mouros, os dois irmãos admiravam a coragem dos mártires e só pensavam em atingir o paraíso. Foram devolvidos ao pai por um tio mas o seu coração continuou a arder de amor por Jesus.
Aos 14 anos Teresa perde a mãe e um ano depois entra no convento das carmelitas para estudar. Adoece e depois de (mal) curada volta para o convento desta vez como noviça apesar de o pai lhe ter pedido que esperasse a sua morte para o fazer. “Cristo não esperou para se entregar por nós” foi a sua frase.
Aos 21 anos Teresa torna-se carmelita e começam então as suas visões místicas. Teresa nunca se ficou pela mística e, sobre a direcção espiritual de São João da Cruz começou a revolução da ordem carmelita.
Por ordem de João da Cruz escreveu as suas visões e as suas ideias e são famosas obras como “O libro da minha vida” e “O castelo interior”.
Para nós Teresa de Jesus é exemplo de como se pode juntar oração e acção. De como se pode ser toda de Cristo e servir os Homens ao mesmo tempo. Peçamos a intercepção desta grande santa na nossa vida para que possamos amar mais a Deus e aos Homens.

A oração que governou a sua vida e que foi encontrada no seu breviário foi:
” Nada te turbe, nada te espante.
Quem a Deus tem, nada lhe falta.
Nada te turbe, nada te espante
só Deus chega!.”

Partilhe

Facebook
WhatsApp

Mais recursos

Todas
Recursos 502
Oração 174
Músicas 0
Técnicas e Dinâmicas 31
Avaliar-me-catequista-crente
Avaliar-me como catequista e como crente!
Partilhamos um esquema de avaliação e desempenho para catequistas. Não pretende fazer acusações nem premiar...
Pentecostes-1
Pentecostes ou as línguas de fogo
O livro "Da mão para o coração - 5 minutos de criatividade para a Bíblia" sugere uma atividade para se...
6 dicas Tempo Pascal
Seis ideias para dinamizar o Tempo Pascal

Há diversas formas de convidar a comunidade a celebrar a Páscoa.

Dia do Pai
Dia do pai - celebração familiar
Este dia celebra-se no dia 19 de março, porque é o dia de S.José. Sugerimos esta breve celebração antes...
5 dicas para a Quaresma
5 dicas para dinamizar a Quaresma
Neste artigo, damos-te cinco dicas para dinamizares a Quaresma, envolvendo as crianças e famílias da...
Dramatização do Evangelho
Dramatização do Evangelho
A dramatização é uma das linguagens possíveis para anunciar o Evangelho. No teatro, comunicamos com o...
Como lidar com fracasso catequese
Como lidar com o fracasso na catequese?

Às vezes, as coisas correm mal. Como reagir?

Festa da Gratidão
Festa da Gratidão - Encerramento do ano
Quando termina um ano de atividades, é oportuno que a comunidade se reúna para agradecer. A este momento...