Educação sexual e catequese

A pastoral familiar do Porto organizou umas jornadas sobre educação sexual.

Fui convidado a participar num dos painéis, onde pude apresentar duas ou três ideias sobre o tema.

Aqui fica um resumo.

Normal 0 21 false false false MicrosoftInternetExplorer4 /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:”Tabela normal”; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-parent:””; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:10.0pt; font-family:”Times New Roman”; mso-ansi-language:#0400; mso-fareast-language:#0400; mso-bidi-language:#0400;}

A catequese é um recurso poderoso na Igreja. Atinge muita gente; envolve muitos adultos, gera muita formação.

É relativamente ineficiente a atingir os seus objectivos: formar cristãos adultos.

Oferece um elevado potencial de encontro gratuito entre adultos motivados e as novas gerações. Num clima de liberdade. Onde se fala de coisas sérias, “centrais” e não periféricas.

 

A catequese que efectivamente temos:

É omissa em relação a um projecto de educação sexual. Catequese é mais do que educação sexual; mas como a ed. sexual é central para a estruturação da pessoa, um projecto de catequese tem que ter uma intenção sistemática.

É fraca no diálogo com a vida vivida, real, dos catequizandos. também com o “universo sexual” onde vivem.

Não se tem mostrado capaz de educar criticamente, de dar mecanismos para gerir a fragmentação, para lidar com os fracassos.

 

A catequese que temos é também aquela em que os catequistas são os únicos adultos disponíveis, credíveis e desinteressados em estar presentes, em educar. Em tantos aspectos e também na educação sexual.

A catequese é, por vezes, o único ambiente em que o grupo permite as interacções de qualidade que ajudam a superar bloqueios e a amadurecer novas sínteses.

 

Recomendações:

Fortalecer a maturidade humana e cristã dos catequistas.

Cultivar uma postura de amor gratuito, capaz de acolher o catequizando na sua diferença.

Criar na catequese um clima de grupo “quente”

Rever seriamente os programas em ordem a conseguir:

            Uma visão cristã da sexualidade

            Sentido crítico

            Saber aproveitar os recursos específicos da fé cristã

            Sem medo de dialogar com a negação e o fracasso.

 

 

Partilhe

Facebook
WhatsApp

Relacionados

Noticia Webinar Emaus Salesianos Editora
Viver os Sacramentos: novos materiais catequéticos para a adolescência
A Salesianos Editora promoveu um webinar para apresentar os novos materiais catequéticos para o 7º ano...
Dia Mundial do Livro celebrado pela Salesianos Editora em 2023
Campanha de descontos - Dia Mundial do Livro 2023
O Dia Mundial do Livro celebra-se a 23 de abril. Associamo-nos a esta festa, com o lançamento de uma...
Cavaleiro da Imaculada tem novo Diretor
Cavaleiro da Imaculada com novo Diretor
O Pe. David Teixeira, sdb, assumiu a direção do Cavaleiro da Imaculada, publicação mensal da Salesianos...
Agarrados-a-net
Agarrados à net, mas seguros no amor dos pais
No passado dia 14 de março, pelas 21h30, a Salesianos Editora em parceria com o projeto “Agarrados à...

Últimas

Pesquisa