Conhecer a Biblia

Iniciamos aqui uma viagem com a Bíblia. Começamos este mês por apresentar a Bíblia. Já todos sabemos que é um livro muito importante. Mas a verdade é que o conhecimento da Bíblia continua a ser o parente pobre na formação dos catequistas.

{tab=Conhecer a Bíblia} 

Conhecer a Bíblia

A maioria das pessoas já ouviu falar da Bíblia. Sabe que é um livro religioso, sagrado. Um livro especial.

Muita gente já a teve nas mãos e, se calhar até a tem na estante. É um livro a tratar com respeito. Mas não é para usar.

Uma vez perguntei a um jovem que tinha a Bíblia em casa, porque é que não a usava, porque é que não aproveitava para a ler. Respondeu-me com simplicidade: “Já tentei, mas é chata. É difícil de entender e fartei-me de tentar…”

É uma situação muito comum.

Embora seja o livro mais vendido e comprado, está longe de ser o mais lido. Muita gente ainda não descobriu que é um livro vivo que vale a pena ler e entender.

A Bíblia já foi traduzida em mais de 1700 línguas. Mas porque continua tão desconhecido?

E, já agora, porque é um livro tão importante? Porque haverá tanto interesse, de alguns, num livro tão velho (já começou a ser escrito há mais de 3000 anos)?

O autor da Bíblia. Quem a escreveu?

Deus gosta de falar com o Homem. E “fala” de muitas maneiras. A certa altura, as pessoas começaram a pôr por escrito as suas experiências de diálogo com Deus. É a esse conjunto de “escritos” que chamamos Bíblia. São livros muito diferentes entre si. Foram escritos em épocas diferentes, por autores diferentes. Cada autor tem o seu estilo, a sua maneira de contar.

Como foram escritos?

Hoje um livro nasce quando um autor se senta ao computador a escrever. Não foi assim com os livros da Bíblia. Os relatos da Bíblia foram contadas durante gerações, de pais para filhos, antes de serem postas por escrito. Muitas vezes não há um autor único; são grupos que recolhem os relatos e as põem por escrito.

Ler a Bíblia hoje

Os livros da Bíblia foram escritos há muito tempo (entre 3000 e 2000 anos). Mas não são livros “velhos”, com cheiro a mofo. São palavras vivas que podem iluminar as nossas vidas em situações sempre novas.
{tab=Ler a Bíblia}

Como ler a Bíblia?

Lemos a Bíblia porque ela é uma “carta” de Deus para nós. A nossa fé não nasce da imaginação deste ou daquele nem do “eu acho que”… As raízes da nossa fé estão na experiência relatada nestes livros.

Lemos a Bíblia tentando perceber o seu significado para nós,  nos dias de hoje. Apesar de ter sido escrito há tanto tempo, ela é capaz de uma frescura extraordinária. Deus continua a falar connosco, hoje. E continua a convidar-nos à felicidade.

Lemos a Bíblia numa atitude de oração e agradecimento. Pedimos a Deus que nos ajude a entender o que nos diz. Pedimos-Lhe que nos dê a energia para seguir os seus caminhos. Agradecemos-Lhe tudo o que Ele fez por nós.

Lemos a Bíblia tentando traduzi-la em gestos e em vida nova.

Um jogo para aprender a apreciar a Bíblia

Material: Bíblia, papel, lápis, vendas para os olhos.

Cada participante recebe uma folha de papel, um lápis e uma venda. Todos os jogadores são vendados. Perguntas aos jogadores:

  • De que cor são as tuas meias?
  • De que cor é a tua camisa?
  • O que é especial no que tens vestido?

Sempre com os olhos vendados, cada um responde por escrito na folha de papel. Depois, devem virar as folhas e fazer um desenho de si mesmos.

Quando terminarem, tiram as vendas e mostram uns aos outros os seus “retratos”.

A seguir, dá-se uma folha nova a cada um. Agora, de olhos bem abertos, devem desenhar de novo o seu retrato. Comparar os dois desenhos.

  • Qual a dificuldade deste jogo?
  • Qual a diferença nos resultados?
  • Que semelhança tem esta situação com a Palavra de Deus, com a Bíblia?

A palavra de Deus ajuda-nos a ver tudo com mais clareza. A nossa vida é como tentar desenhar de olhos vendados: fazemos o melhor que podemos, mas é difícil e os resultados não são grande coisa. Quando recebemos a Bíblia na nossa vida, é como se os nossos olhos se abrissem. Torna-se tudo mais claro. Torna-se mais fácil ver o que estamos a fazer e para onde vamos.
{/tabs}

Cenas dos próximos episódios

Esperamos que este artigo te tenha dado algumas ideias novas, tenha refrescado a tua vontade de usar a Bíblia na tua vida e na catequese.

Ao longo deste ano pastoral vamos apresentar-te algumas das ideias mais importantes da Bíblia para a catequese em Portugal.
{gallery}galeria-teste{/gallery}

 

Partilhe

Facebook
WhatsApp

Mais recursos

Todas
Recursos 502
Oração 174
Músicas 0
Técnicas e Dinâmicas 31
Avaliar-me-catequista-crente
Avaliar-me como catequista e como crente!
Partilhamos um esquema de avaliação e desempenho para catequistas. Não pretende fazer acusações nem premiar...
Pentecostes-1
Pentecostes ou as línguas de fogo
O livro "Da mão para o coração - 5 minutos de criatividade para a Bíblia" sugere uma atividade para se...
6 dicas Tempo Pascal
Seis ideias para dinamizar o Tempo Pascal

Há diversas formas de convidar a comunidade a celebrar a Páscoa.

Dia do Pai
Dia do pai - celebração familiar
Este dia celebra-se no dia 19 de março, porque é o dia de S.José. Sugerimos esta breve celebração antes...
5 dicas para a Quaresma
5 dicas para dinamizar a Quaresma
Neste artigo, damos-te cinco dicas para dinamizares a Quaresma, envolvendo as crianças e famílias da...
Dramatização do Evangelho
Dramatização do Evangelho
A dramatização é uma das linguagens possíveis para anunciar o Evangelho. No teatro, comunicamos com o...
Como lidar com fracasso catequese
Como lidar com o fracasso na catequese?

Às vezes, as coisas correm mal. Como reagir?

Festa da Gratidão
Festa da Gratidão - Encerramento do ano
Quando termina um ano de atividades, é oportuno que a comunidade se reúna para agradecer. A este momento...