40 recursos para o desenvolvimento

O Search Institute identificou 40 recursos para o desenvolvimento harmonioso dos adolescentes e jovens.

Estes dados resultam de pesquisas feitas nos Estados Unidos. Nem todos serão automaticamente transportáveis para a nossa realidade.

Mas para quem se interessa pela educação-evangelização dos adolescentes e jovens vale a pena ler com atenção

Recursos externos

Suporte

  1. Suporte da família. A vida familiar fornece altos níveis de amor e apoio.
  2. Comunicação familiar positiva. Os jovens e os seus pais comunicam positivamente e os jovens estão interessados em pedir conselho aos seus pais.
  3. Relações com outros adultos. Os jovens recebem apoio de três ou mais adultos que não os pais.
  4. Vizinhos atentos. Os jovens têm nos vizinhos pessoas atentas e disponíveis.
  5. Envolvimento dos pais na escola. Os pais estão activamente envolvidos em ajudar os jovens no seu sucesso escolar.

Potenciação

  1. A comunidade valoriza os jovens. Os jovens percebem que os adultos da sua comunidade valorizam a juventude.
  2. Os jovens como recurso. Os jovens recebem papéis úteis na sua comunidade.
  3. Serviço aos outros. Os jovens prestam serviço na comunidade por uma hora ou mais à semana.
  4. Segurança. Os jovens sentem-se seguros em casa, na escola e na vizinhança.

Limites & expectativas

  1. Limites em casa. A família tem claras as regras e as consequências e acompanha a localização dos filhos.
  2. Limites na escola. A escola indica claramente quais as regras de comportamento e as consequências associadas.
  3. Limites na vizinhança. Os vizinhos assumem a responsabilidade por acompanhar o comportamento dos jovens.
  4. Modelos adultos. Os pais e outros adultos oferecem modelos positivos e responsáveis de comportamento.
  5. Influência positiva dos colegas. Os amigos dos jovens oferecem modelos responsáveis de comportamento.
  6. Altas expectativas. Quer os pais quer os professores encorajam os jovens a ser bem sucedidos.

Uso construtivo do tempo

  1. Actividades criativas. Os jovens gastam três horas ou mais por semana em teatro, música ou outras actividades criativas.
  2. Programas juvenis. Os jovens gastam três ou mais horas por semana em actividades formativas para jovens, na escola, em clubes ou em outras organizações.
  3. Comunidade religiosa. Os jovens gastam uma hora ou mais por semana em actividades numa instituição religiosa.
  4. Tempo em casa. Os jovens saem com os amigos sem programa especial duas ou menos noites por semana.

Recursos internos

Empenho na aprendizagem

  1. Motivação para o sucesso. Os jovens estão motivados para ter sucesso na escola.
  2. Empenho escolar. Os jovens estão fortemente empenhados em aprender.
  3. Trabalhos de casa. Os jovens fazem pelo menos uma hora de trabalhos de casa.
  4. Ligação à escola. Os jovens preocupam-se com a qualidade da escola.
  5. Ler por prazer. Os jovens lêem por prazer três ou mais horas por semana.

Valores positivos

  1. Empatia. Os jovens valorizam fortemente o ajudar outras pessoas.
  2. Solidariedade. Os jovens valorizam fortemente o apoio aos mais desfavorecidos e o empenho na redução da fome e da pobreza.
  3. Integridade. Os jovens agem por convicções e afirma claramente os seus valores.
  4. Honestidade. Os jovens \\\”dizem a verdade mesmo quando não é fácil\\\”.
  5. Responsabilidade. Os jovens assumem responsabilidade pessoal pelos seus actos.
  6. Controle. Os jovens acreditam que é importante não estar sexualmente activo antes do tempo e não consumir álcool ou drogas.

Competências sociais

  1. Planear e tomar decisões. Os jovens sabem como planear e tomar decisões antecipadamente.
  2. Competências interpessoais. Os jovens têm empatia, sensibilidade e capacidade de dar-se com os amigos.
  3. Competências culturais. Os jovens sabem relacionar-se com pessoas de outras etnias e/ou culturas.
  4. Resistência. Os jovens sabem resistir à pressão negativas dos colegas mesmo em situações perigosas.
  5. Resolução de conflitos. Os jovens tentam resolver os conflitos de forma não violenta.

Identidade positiva

  1. Assertividade. Os jovens sentem que têm controle sobre \\\”o que lhes acontece\\\”.
  2. Auto-estima. Os jovens mostram ter um bom nível de auto-estima.
  3. Sentido. Os jovens sentem que a sua vida tem um sentido e um rumo.
  4. Visão positiva do futuro pessoal. Os jovens estão optimistas quanto ao seu futuro pessoal

Partilhe

Facebook
WhatsApp

Mais recursos

Todas
Recursos 502
Oração 174
Músicas 0
Técnicas e Dinâmicas 31
Avaliar-me-catequista-crente
Avaliar-me como catequista e como crente!
Partilhamos um esquema de avaliação e desempenho para catequistas. Não pretende fazer acusações nem premiar...
Pentecostes-1
Pentecostes ou as línguas de fogo
O livro "Da mão para o coração - 5 minutos de criatividade para a Bíblia" sugere uma atividade para se...
6 dicas Tempo Pascal
Seis ideias para dinamizar o Tempo Pascal

Há diversas formas de convidar a comunidade a celebrar a Páscoa.

Dia do Pai
Dia do pai - celebração familiar
Este dia celebra-se no dia 19 de março, porque é o dia de S.José. Sugerimos esta breve celebração antes...
5 dicas para a Quaresma
5 dicas para dinamizar a Quaresma
Neste artigo, damos-te cinco dicas para dinamizares a Quaresma, envolvendo as crianças e famílias da...
Dramatização do Evangelho
Dramatização do Evangelho
A dramatização é uma das linguagens possíveis para anunciar o Evangelho. No teatro, comunicamos com o...
Como lidar com fracasso catequese
Como lidar com o fracasso na catequese?

Às vezes, as coisas correm mal. Como reagir?

Festa da Gratidão
Festa da Gratidão - Encerramento do ano
Quando termina um ano de atividades, é oportuno que a comunidade se reúna para agradecer. A este momento...