Homilia – Trindade

Algumas sugestões para fazer a homilia com adolescentes, no domingo da Trindade.

Este domingo é um dia especial no calendário da Igreja. É a solenidade (uma festa importante) da Santíssima Trindade.

Antes de olharmos o Evangelho vamos acertar algumas coisas básicas a respeito da Trindade. Trindade quer dizer Um Deus e Três pessoas: Pai, Filho e Espírito Santo. Não temos três deuses nem temos um Deus com divisão de personalidade. É um Deus só, ponto final.

Em segundo lugar, a Trindade sempre existiu. Não começou quando Jesus morreu nem é uma invenção dos católicos. A palavra “Trindade” não aparece na Bíblia: os cristãos é que criaram essa palavra para interpretar a Bíblia que nos fala de um só Deus e de três pessoas.

Em terceiro lugar, dizer que Deus é Trindade é dizer que Deus é uma família ou uma comunidade de pessoas ligadas pelo amor. (O que explica porque é que a família e a comunidade são tão importantes para nós).

Por fim a Trindade tem que ver com a nossa salvação. O tema da nossa salvação não é uma questão pessoal entre tu e Jesus. A salvação passa por ser inserido na família de Deus, a Trindade.

O que nos traz ao Evangelho de hoje. O Evangelho mostra-nos o grande amor da Trindade e o que esse amor está a tentar connosco. Deus ama-nos tanto que fará o que for preciso para nos dar uma vida abundante, sem limites, eterna.

Vida eterna é estar numa relação de amor e ternura com Deus. É uma relação que começa na terra e que não parará com a morte.

Nota como Jesus opõe as palavras “vida eterna” a “morrer”

A ideia de perder a vida eterna significa que não temos uma relação com Deus depois de morrer; morrer é perder a nossa vida com Deus.

Ter vida eterna em Cristo passa por acreditar n’Ele. Acreditar n’Ele não é apenas acreditar que Ele existe; é confiar n’Ele, comprometer a nossa vida com a Sua causa.

Se nós confiarmos a Cristo a nossa vida e deixarmos que a Sua vida esteja em nós, viveremos na Trindade para sempre. É um amor pelo qual vale a pena apostar a vida.

 

Questões para debate

1. Porque é que a Igreja usa esta passagem do Evangelho no domingo da Trindade? O que é que esta passagem tem a ver com a Trindade?

2. O que é que te vem à cabeça quando falamos de “vida eterna”? Nesta altura da tua vida, a tua relação com Cristo aponta para “vida eterna” ou para “morrer”? Porquê?

3. Como poderias explicar a Trindade a um não-cristão?

 

 

 

 

Partilhe

Facebook
WhatsApp

Mais recursos

Todas
Recursos 502
Oração 174
Músicas 0
Técnicas e Dinâmicas 31
Avaliar-me-catequista-crente
Avaliar-me como catequista e como crente!
Partilhamos um esquema de avaliação e desempenho para catequistas. Não pretende fazer acusações nem premiar...
Pentecostes-1
Pentecostes ou as línguas de fogo
O livro "Da mão para o coração - 5 minutos de criatividade para a Bíblia" sugere uma atividade para se...
6 dicas Tempo Pascal
Seis ideias para dinamizar o Tempo Pascal

Há diversas formas de convidar a comunidade a celebrar a Páscoa.

Dia do Pai
Dia do pai - celebração familiar
Este dia celebra-se no dia 19 de março, porque é o dia de S.José. Sugerimos esta breve celebração antes...
5 dicas para a Quaresma
5 dicas para dinamizar a Quaresma
Neste artigo, damos-te cinco dicas para dinamizares a Quaresma, envolvendo as crianças e famílias da...
Dramatização do Evangelho
Dramatização do Evangelho
A dramatização é uma das linguagens possíveis para anunciar o Evangelho. No teatro, comunicamos com o...
Como lidar com fracasso catequese
Como lidar com o fracasso na catequese?

Às vezes, as coisas correm mal. Como reagir?

Festa da Gratidão
Festa da Gratidão - Encerramento do ano
Quando termina um ano de atividades, é oportuno que a comunidade se reúna para agradecer. A este momento...