Lectio 5º domingo Páscoa

Aqui estão as propostas para a Lectio Divina da 5ª semana do tempo de Páscoa.

Ano A – V DOM da Páscoa  

“Eu sou o caminho, a verdade e a vida”

 

Muitas vezes na nossa vida não sabemos como e para onde dirigir a nossa história de vida, mas Jesus é o caminho que Deus nos traça; não sabemos como nos orientarmos diante das mil vozes do mundo que nos circundam, mas Jesus é a verdade, Palavra de Deus para nós. Segui-Lo significa dar à vida um sentido justo. Uma direcção que nos conduz ao encontro com o Amor pleno: Deus. Mas agora é tempo de Jesus partir. Aos Apóstolos, reunidos no Cenáculo, Jesus explica, em primeiro lugar, o sentido da sua partida. O evangelista, para isso, utiliza, uma vez mais, o recurso da imcompreensão. Os discípulos parecem não compreender o alcance das palavras de Jesus. Porquê? Como? Para onde? As suas perguntas dão lugar a uma explicação detalhada sobre o caminho de Jesus até ao Pai. As obras de Jesus testemunham que as suas palaras são dignas de fé e que o Pai e Ele estão em comunhão. Ele que é o caminho, a verdade e a vida. Que mais nos pode interessar?

 

Evangelho segundo São João (Jo 14,1-12)

lectio5.jpgNão se perturbe o vosso coração. Credes em Deus; crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fosse, como teria dito Eu que vos vou preparar um lugar? E quando Eu tiver ido e vos tiver preparado lugar, virei novamente e hei-de levar-vos para junto de mim, a fim de que, onde Eu estou, vós estejais também. E, para onde Eu vou, vós sabeis o caminho.» Disse-lhe Tomé: «Senhor, não sabemos para onde vais, como podemos nós saber o caminho?» Jesus respondeu-lhe: «Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida. Ninguém pode ir até ao Pai senão por mim. Se ficastes a conhecer-me, conhecereis também o meu Pai. E já o conheceis, pois estais a vê-lo.» Disse-lhe Filipe: «Senhor, mostra-nos o Pai, e isso nos basta!» Jesus disse-lhe: «Há tanto tempo que estou convosco, e não me ficaste a conhecer, Filipe? Quem me vê, vê o Pai. Como é que me dizes, então, ‘mostra-nos o Pai’? Não crês que Eu estou no Pai e o Pai está em mim? As coisas que Eu vos digo não as manifesto por mim mesmo: é o Pai, que, estando em mim, realiza as suas obras. Crede-me: Eu estou no Pai e o Pai está em mim; crede, ao menos, por causa dessas mesmas obras. Em verdade, em verdade vos digo: quem crê em mim também fará as obras que Eu realizo; e fará obras maiores do que estas, porque Eu vou para o Pai, e o que pedirdes em meu nome Eu o farei, de modo que, no Filho, se manifeste a glória do Pai. Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, Eu o farei.»

 

SEGUNDA-FEIRA

 

Palavra

Não se perturbe o vosso coração. Credes em Deus; crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fosse, como teria dito Eu que vos vou preparar um lugar?

Não temais, não tenhais medo, a paz esteja convosco! É a saudação do Senhor ressuscitado. O único remédio contra o medo, contra a angustia é a fé. Jesus pede aos seus que superem este momento de crise, não só aderindo mentalmento à sua Palavra, mas acreditando com o coração e com a vida que Jesus é a Palavra do Pai. Não pode existir fé em Deus, sem fé em Jesus Cristo. o discipulo não pode ficar triste pela partida de Jesus, Ele não abandona, mas vai com o Pai. Vai preparar um lugar.

 

Meditação

“Não tenhais medo! Abri as Portas a Crito!” Ressoa ainda o eco do Servo de Deus, João Paulo II. É o grande desafio que se põe a cada um de nós. Ele bate à porta, ele está à espera, ele quer fazer festa. Basta acreditar, basta por nas suas mãos a nossa vida. Jesus prepara-nos o caminho: para onde nos conduz, senão para o encontro redentor com Ele? Então, porque não segui-Lo?

 

Oração

O SENHOR é meu pastor: nada me falta.
Em verdes prados me faz descansar e conduz-me às águas refrescantes.
Reconforta a minha alma e guia-me por caminhos rectos, por amor do seu nome.
Ainda que atravesse vales tenebrosos, de nenhum mal terei medo
porque Tu estás comigo.
A tua vara e o teu cajado dão-me confiança.

 

Acção

Como testemunhar que sou cristão, que sou de Cristo ao longo deste dia? Talvez no serviço, no sorriso, na palavra amiga, na coragem, no não estar a lamentar-se! Quem ama partilha.

 

Partilhe

Facebook
WhatsApp

Mais recursos

Todas
Recursos 502
Oração 174
Músicas 0
Técnicas e Dinâmicas 31
Avaliar-me-catequista-crente
Avaliar-me como catequista e como crente!
Partilhamos um esquema de avaliação e desempenho para catequistas. Não pretende fazer acusações nem premiar...
Pentecostes-1
Pentecostes ou as línguas de fogo
O livro "Da mão para o coração - 5 minutos de criatividade para a Bíblia" sugere uma atividade para se...
6 dicas Tempo Pascal
Seis ideias para dinamizar o Tempo Pascal

Há diversas formas de convidar a comunidade a celebrar a Páscoa.

Dia do Pai
Dia do pai - celebração familiar
Este dia celebra-se no dia 19 de março, porque é o dia de S.José. Sugerimos esta breve celebração antes...
5 dicas para a Quaresma
5 dicas para dinamizar a Quaresma
Neste artigo, damos-te cinco dicas para dinamizares a Quaresma, envolvendo as crianças e famílias da...
Dramatização do Evangelho
Dramatização do Evangelho
A dramatização é uma das linguagens possíveis para anunciar o Evangelho. No teatro, comunicamos com o...
Como lidar com fracasso catequese
Como lidar com o fracasso na catequese?

Às vezes, as coisas correm mal. Como reagir?

Festa da Gratidão
Festa da Gratidão - Encerramento do ano
Quando termina um ano de atividades, é oportuno que a comunidade se reúna para agradecer. A este momento...