Quaresma 27 Mar 09

Quantas coisas se dizem de Jesus!

Depois disto, Jesus continuava pela Galileia, pois não queria andar pela Judeia, visto que os judeus procuravam matá-lo. Estava próxima a festa judaica das Tendas.
Contudo, depois de os seus irmãos partirem para a festa, Ele partiu também, não publicamente, mas quase em segredo. Então, alguns de Jerusalém comentavam: «Não é este a quem procuravam, para o matar? Vede como Ele fala livremente e ninguém lhe diz nada! Será que realmente as autoridades se convenceram de que Ele é o Messias? Mas nós sabemos donde Ele é, ao passo que, quando chegar o Messias, ninguém saberá donde vem.»
Entretanto, Jesus, ensinando no templo, bradava: «Então sabeis quem Eu sou e sabeis donde venho?! Pois Eu não venho de mim mesmo; há um outro, verdadeiro, que me enviou, e que vós não conheceis. Eu é que o conheço, porque procedo dele e foi Ele que me enviou.»
Procuravam, então, prendê-lo, mas ninguém lhe deitou a mão, pois a sua hora ainda não tinha chegado.  (Jo 7, 1-2.10.25-30)

Algumas, verdadeiras. 

Outras, banais.

Para alguns, Jesus, hoje como naquele tempo, é um homem bom.

Para outros, é um aldrabão.

Para outros ainda, é um “espanto” a sua doutrina, o seu apelo ao sobrenatural.

Para outros ainda, é incómodo, talvez possuído pelo demónio,

um adversário a abater.

A verdade é que Jesus inquieta.

Hoje como sempre.

Inquieta todos os que querem ser deixados em paz.

É um homem livre que perturba

quem tem medo de colocar em debate o seu equilíbrio,

tantas vezes assente em hipocrisiae egoísmo.

É por isso qu, hoje como ontem,

é mais fácil livrarmo-nos d’Ele.

Orar

Dá-me, Senhor,

a coragem da liberdade.

Faz que, livremente, Te procure,

livremente Te acolha,

livremente Te siga.

E não ligues quando Te digo para me “deixares em paz”,

quanro, por egoísmo, Te digo

que és um Deus incómodo.

Partilhe

Facebook
WhatsApp

Mais recursos

Todas
Recursos 502
Oração 174
Músicas 0
Técnicas e Dinâmicas 31
Avaliar-me-catequista-crente
Avaliar-me como catequista e como crente!
Partilhamos um esquema de avaliação e desempenho para catequistas. Não pretende fazer acusações nem premiar...
Pentecostes-1
Pentecostes ou as línguas de fogo
O livro "Da mão para o coração - 5 minutos de criatividade para a Bíblia" sugere uma atividade para se...
6 dicas Tempo Pascal
Seis ideias para dinamizar o Tempo Pascal

Há diversas formas de convidar a comunidade a celebrar a Páscoa.

Dia do Pai
Dia do pai - celebração familiar
Este dia celebra-se no dia 19 de março, porque é o dia de S.José. Sugerimos esta breve celebração antes...
5 dicas para a Quaresma
5 dicas para dinamizar a Quaresma
Neste artigo, damos-te cinco dicas para dinamizares a Quaresma, envolvendo as crianças e famílias da...
Dramatização do Evangelho
Dramatização do Evangelho
A dramatização é uma das linguagens possíveis para anunciar o Evangelho. No teatro, comunicamos com o...
Como lidar com fracasso catequese
Como lidar com o fracasso na catequese?

Às vezes, as coisas correm mal. Como reagir?

Festa da Gratidão
Festa da Gratidão - Encerramento do ano
Quando termina um ano de atividades, é oportuno que a comunidade se reúna para agradecer. A este momento...